21.2.08

Estrela Subversiva



Há uma bela e sonâmbula estrela
Escondida na noite escura sem esperança.
Algures, acima ou abaixo de nós,
Talvez num charco qualquer,
Quem sabe nos olhos de toda a Mulher
Quem sabe nos dedos de toda a Criança...


António Cardoso (poeta angolano